Publicidade ou marketing?

Helder Fran      segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Compartilhe esta página com seus amigos

Publicidade ou marketing?

 

É comum confundirmos um como sinônimo do outro quando observamos expressões do tipo "ele é o marqueteiro daquela empresa", "estão fazendo muito marketing sobre esse assunto" ou mesmo sobre a expressão "marketing pessoal". Eu também já me confundi assim até antes de ingressar na faculdade, onde aprendi que a publicidade é apenas uma pequena parte do marketing. Neste artigo apresento uma visão geral da ciência que estuda o mercado e aponto como pode ajudar no desenvolvimento também de pequenos negócios.

 

Afinal, o que é marketing?

A palavra originária do idioma inglês não possui tradução literária para o português. Mas deriva da palavra "market", cuja tradução é "mercado". Assim, podemos entender como sendo "fazer mercado", "estar no mercado", "ação de mercado", "estudo de mercado", etc. Mas eu prefiro minha definição própria: marketing é "continuar vendendo". Pois tudo aquilo que envolve continuar vendendo é sua atribuição, "é o processo de planejar e executar a concepção, estabelecimento de preços, promoção e distribuição de idéias, bens e serviços a fim de criar trocas e que satisfaçam metas individuais e organizacionais", como afirmam Churchill e Peter (2007, p. 4 Apud GOUVÊA, 2013, p. 3). 

No Brasil, a atividade profissional teve sua aprovação no Congresso Nacional em 2017 e aguarda o parecer do Senado Federal. Uma vez aprovada a regulamentação, os profissionais dessa área passarão a ser denominados "mercadólogos". Ou seja, profissionais de mercadologia, de estudo de mercado.

 

O que faz?

Atua no composto: Produto, Preço, Praça e Promoção. Também conhecido como o Mix de Marketing e que veremos em detalhes no artigo "O que são os 4Ps do marketing?". Que, de modo resumido, podemos entender como o planejamento e análise desde o conjunto de produtos e serviços ofertados pela empresa, do preço adequado para o mercado atual, de todo o sistema de distribuição (logística, pontos de vendas, etc) e até dos sistemas de comunicação a serem utilizados. Vale ressaltar também que:

 

A função do marketing, mais do que qualquer outra nos negócios, é lidar com os clientes. [...] talvez a mais simples [definição] seja: marketing é administrar relacionamentos lucrativos com o cliente. Os dois principais objetivos do marketing são: atrair novos clientes, prometendo-lhes valor superior, e manter e cultivar os clientes atuais, propiciando-lhes satisfação. (KOTLER; ARMSTRONG, 2007, p. 3)

 

O que é publicidade e propaganda?

No composto de marketing, a publicidade e propaganda fazem parte apenas do "P" de Promoção. São dois elementos importantes do sistema de comunicação. Friso, também, que não são a mesma coisa. Em resumo, classificamos publicidade como toda comunicação não paga; aquilo que se torna público de modo espontâneo na sociedade com relação á empresa. Já a propaganda é toda comunicação paga independente do meio de comunicação.

 

O marketing para pequenos negócios

Pequenas e micro empresas, e até mesmo microempreendedores individuais, também podem fazer uso das ferramentas de mercadologia para um melhor posicionamento em seu nicho de mercado ou para um melhor rendimento operacional e financeiro. A contribuição de um profissional de marketing está cada vez mais acessível a todos os portes empresariais. Iremos explorar a aplicação de ferramentas digitais na mercadologia de pequenos negócios no decorrer de todo o blog.

 

REFERÊNCIAS:

CHURCHILL JR., Gilbert A.; PETTER, J. Paul. Marketing: Criando valor para os clientes. 2. ed. São Paulo: Editora Saraiva, 2007.

GOUVÊA, Ana Beatriz Cautela T. Marketing. Indaial: Uniasselvi, 2013.

KOTLER, Philip; ARMSTRONG, Gary. Princípios de marketing. 12. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

TÓPICOS






Teste criação de sites da Builderall por 7 dias grátis


Renda extra promovendo a Builderall de casa com treinamentos e ganhos ilimitados.